Nutrição Holísitica. A Bíblia das Hormonas de Kate Callaghan

Nutrição Holísitica. A Bíblia das Hormonas de Kate Callaghan
Lançamento Junho 2017

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Inteligência Otimista de Viviana Blas Livro em Promoção 4Estações /Castor de Papel, Feira do Livro de Lisboa 2017

Descubra a sua inteligência otimista
A inteligência otimista consiste em utilizar as nossas capacidades mentais, emocionais e comportamentais, orientando -as positivamente. Isto significa utilizar a própria mente a nosso favor, estimulando -a com pensamentos construtivos e motivadores; cuidar do nosso mundo emocional, gerando emoções positivas e resolvendo as negativas; praticar as condutas que se ajustem a cada situação social, para poder construir relações harmoniosas. Tanto o otimista como o pessimista têm as mesmas capacidades: perceção, interpretação, imaginação, memória, análise, entre outras. O que os distingue é a sua maneira de canalizá -las: positiva ou negativamente. A orientação que escolhermos vai influenciar a maneira como utilizamos as nossas capacidades: podemos focar -nos no bom ou no mau das pessoas, interpretar positiva ou negativamente os acontecimentos em geral, utilizar a imaginação para criar cenas mentais de êxito ou de fracasso, selecionar do arquivo da nossa memória os acontecimentos agradáveis que vivemos ou os desagradáveis, utilizar a nossa capacidade analítica para gerar um diálogo interno positivo ou negativo. Tanto a postura otimista como a pessimista são sustentadas por diversas cadeias de interpretações, crenças e opiniões que temos sobre como é a vida e o mundo em geral. Estas cadeias interpretativas, positivas ou negativas, são o lugar a partir do qual criamos a nossa própria vida. A postura que adotarmos vai determinar os resultados que iremos obter nos diferentes âmbitos em que nos realizamos. A inteligência otimista consiste em adotar uma maneira objetiva de perceber e interpretar a realidade, tendo em conta tanto os seus aspetos positivos como os negativos e fazendo crescer os primeiros para melhorá -la. Para isso, o otimista modifica situações negativas e gera novas situações positivas. Centra -se na solução, e não no problema. Esta atitude é o que lhe permite superar a adversidade. A inteligência otimista apoia -nos no desenvolvimento de uma atitude resiliente. A resiliência é a capacidade de superar as  situações adversas da vida, saindo delas fortalecido. O otimismo permite -nos transformar a adversidade numa oportunidade de crescimento pessoal, e em muitas ocasiões até nos ajuda a melhorar as condições que rodeavam previamente a nossa realidade. Esta capacidade de dar a volta às situações de uma maneira positiva fortalece a autoestima do otimista, uma vez que sente que é ele quem conduz a sua vida. A criatividade e a imaginação positiva são parte fundamental da inteligência otimista, já que, estando no meio de uma situação negativa, são elas que nos possibilitam construir uma nova realidade. A inteligência otimista dá -nos forças para avançar face aos inúmeros desafios que a vida nos apresenta, mantendo a esperança de virmos a obter os resultados que procuramos. Tanto a inteligência como o otimismo são o que nos permite realizar os grandes esforços que muitas vezes precisamos de fazer para alcançar os nossos objetivos. Queixarmo -nos sempre do negativo das pessoas, de como as coisas vão mal, do que não funciona nas nossas relações, do que nos está a faltar, do que não gostamos em nós próprios, é perpetuar ainda mais todas as coisas negativas que dizemos que já não queremos. A queixa é um desperdício de energia que nos instala numa postura de vítimas e não nos permite modificar a nossa situação atual. Quando vivemos imersos na queixa, não estamos a ser inteligentes, não criamos para nós uma vida interessante, nem sedutora, nem criativa, nem inspiradora para ninguém. Pelo contrário, afastamos as pessoas que estão ao nosso lado quando nos revestimos de uma atitude tão pessimista. Quando escolhemos pensamentos positivos, estamos
a ser inteligentes, uma vez que podemos utilizá -los para criar situações que nos permitam renovar as áreas que não estejam a funcionar na nossa vida. O otimismo é a tendência para esperar que o futuro traga resultados favoráveis. É um recurso psicológico fundamental para criar resultados positivos em qualquer área em que nos movamos, porque nos leva ao estado de espírito adequado para que os passemos a gerar. Este livro vai oferecer -lhe diversas ferramentas práticas e conceptuais que lhe vão permitir criar novas crenças positivas e adquirir uma visão otimista. Para isso, baseia -se em três disciplinas reconhecidas a nível mundial: a Psicologia Positiva, o Coaching Ontológico e a Psicologia Cognitiva. A Psicologia Positiva foca -se nos aspetos positivos do ser humano para superar a adversidade. O seu criador é o psicólogo norte -americano Martin Seligman. A Terapia Cognitiva baseia -se na ideia de que as pessoas sofrem pela interpretação que fazem dos acontecimentos e tenta fazer com que estas encontrem interpretações mais adaptativas. Foi desenvolvida pelo psiquiatra norte-americano Aaron Beck. O Coaching Ontológico é uma disciplina que facilita os processos de mudança no ser, transformando a sua forma de observar e de agir, o que incide sobre os resultados obtidos. Os seus criadores são chilenos: Rafael Echeverría (sociólogo), Fernando Flores (engenheiro) e Julio Olalla (advogado). Estes métodos e ferramentas vão permitir -lhe, além disso, incrementar o nível de autoestima e desconstruir diversos medos, limitações e hábitos negativos; vão dar -lhe os recursos necessários para exercer a autoliderança, para se ligar ao poder pessoal, definir a visão e a missão na vida e tomar consciência dos próprios valores; vão permitir -lhe concretizar ideias e gerar relações positivas. Ao longo de mais de vinte anos como psicoterapeuta e mais de dez como coach, pude comprovar o poder de transformação pessoal que se consegue ao aplicar as técnicas oferecidas por estas três correntes teórico -práticas. O meu desejo é que os recursos apresentados neste livro possam motivá -lo e impulsioná -lo a criar a realidade que deseja e que possa sentir -se pleno e realizado, adquirindo um novo olhar otimista que lhe permita desfrutar cada vez mais da sua valiosa vida.