Amor às Claras de Laura Kaye.

Amor às Claras de Laura Kaye.
Lançamento 17 de maio de 2017.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Letícia Brito Blogue: Opinião Corações na Escuridão

Letícia Brito Blogue: Corações na Escuridão, de Laura Kaye | O presente ideal para o Dia dos Namorados, sob a chancela O Castor de Papel | Opinião Corações na Escuridão chegou até mim através de O Castor de Papel, chancela da 4 Estações Editora, para uma resenha honesta, falei dele recentemente (AQUI), como aqui no blogue já se sabe, não sou de recusar uma boa leitura, e gosto, obviamente de a partilhar convosco. 

Este livro criou em mim grande expectativa,

Corações na Escuridão, de Laura Kaye | O presente ideal para o Dia dos Namorados, sob a chancela O Castor de Papel | Opinião


Corações na Escuridão chegou até mim através de Castor de Papel, chancela da4 Estações Editora, para uma resenha honesta, falei dele recentemente (AQUI), como aqui no blogue já se sabe, não sou de recusar uma boa leitura, e gosto, obviamente de a partilhar convosco. 
Este livro criou em mim grande expectativa, não foi a sinopse – que é muito sedutora, por sinal -, a capa – protagonizada por Caden, o homem por quem todos os corações suspiram -, mas sim, pelo género; romance erótico – algo que nunca li – isto é, já li contos eróticos de duas ou três paginas, mas achei-os com tão pouco conteúdo que não consegui arriscar um livro do género – as sinopses, também não agradam e as capas deixam a desejar – e eu sei que os livros não se julgam pela capa, mas, se me permitem, ao olhar a capa escolhida pela O Castor de Papel, não fiquei indiferente, este protagonista, tanto na capa, como na descrição da autora, Laura Kaye, remete-me para o vagabundo Francisco, presente também na minha obra, e as semelhanças com a personagem por mim criada, deixaram-me extasiada – mas não é para falar da minha obra que aqui estou e sim do romance da Laura, que deixem que vos diga, é arrasador.
Este livro é pequeno, tem sensivelmente 150 páginas e é de fácil e rápida leitura – e sendo eu uma leitora de extremos – li-o em apenas dois dias, quer pelo tamanho, como pela forma descontraída da narrativa.
A autora superando todas as expectativas, desenvolveu uma história praticamente surreal, porém, cativante o suficiente para nos manter agarrados até à última página, e quando o autor é capaz de tal proeza, merece todo o nosso respeito.
Makenna e Caden duas personagens carregadas de diferenças e simultaneamente com tanto em comum, ficam por obra do acaso, ou do destino, quiçá, presas no mesmo elevador, com as luzes apagadas durante quatro horas.
Dois desconhecidos que aproveitam aquele momento, que tinha tudo para ser constrangedor e doloroso, para se conhecerem, aos poucos e poucos, psicológica e fisicamente.
Mesmo com as luzes apagadas, uma atracão intensa acontece deixando estes dois protagonistas num dilema moral, poderão manter a chama acesa quando a electricidade voltar? E o envolvimento durante aquele tão curto e ao mesmo tempo tão longo espaço de tempo é correto? Deverá continuar para além do elevador?
O facto de toda a trama girar em torno da escuridão do elevador e o diálogo descontraído que as personagens travam, torna a leitura agradável e intensa, os minutos passam, entre confidencias, e corações abertos numa total escuridão.
A escrita da autora é sensual, sem ser sexual, atraente e intimista, dá asas à imaginação do leitor. A escrita é fluída e rica em descrições e recursos expressivos.
Os diálogos são bem construídos e a narrativa, que ao contrário do que eu imaginava, se centra apenas nas quatro horas dentro do elevador, foi tão bem planeada, e com certeza, de uma enorme primazia, que ganha só pela destreza da autora, foi um risco, mas um risco que valeu a pena, um risco que todos os autores deveriam cometer de vez em quando, de forma a tornar as histórias românticas, menos cliché.
O público gosta de romance, e protagonistas que se apaixonam de formas «bonitinhas», mas verdade seja dita, na vida real, nem todas as histórias começam com sorrisos, algumas começam pelo prazer, e a história de Caden e Makenna é um exemplo perfeito!
É uma obra que se devora com extrema facilidade, que se entende, se sente e se pede por mais, que, como é lógico, fica aqui recomendada a sua leitura a todos os seguidores, certamente, não se irão arrepender.
Um agradecimento à O Castor de Papel, aproveitem para deixar o vosso Gosto nas páginas abaixo, encomendarem o vosso Corações na Escuridão e deliciarem-se – este é provavelmente o livro perfeito para o Dia dos Namorados, ofereçam à vossa cara metade –, supera todas as expectativas. 

Letícia Brito

Adquire já o teu exemplar nos locais habituais ou online através dos links disponibilizados.

O CASTOR DE PAPEL - BLOGUE (Clica AQUI)
O CASTOR DE PAPEL - SITE (Clica AQUI)
O CASTOR DE PAPEL - FACEBOOK (Clica AQUI)

Assiste ao Booktrailer AQUI