Todos os Caminhos

Todos os Caminhos
Clara Pinto Correia

terça-feira, 8 de agosto de 2017

http://asleiturasdocorvo.blogspot.pt/2017/08/amor-as-claras-laura-kaye.html

As Leituras do Corvo

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Amor às Claras (Laura Kaye)

Desde que se conheceram no elevador que a proximidade entre Caden e Makenna não parou de crescer. Mas os fantasmas do passado continuam a pesar sobre os ombros de Caden e, quando o encontro com a família de Makenna traz consigo um antigo namorado dela, Caden sente as suas inseguranças reforçadas. No fundo, sabe que os traumas nunca desapareceram realmente e a existência de um outro homem, resolvido e bem-sucedido, no passado de Makenna, leva-o a perguntar-se se ela não merecerá mais. E com esta pergunta vêm outras - e uma espiral cada vez mais sombria de pensamentos negativos, que Caden terá de ultrapassar se não quiser perder o melhor que alguma vez lhe aconteceu. 
Relativamente breve e, à semelhança do livro anterior, centrado fundamentalmente no percurso emocional dos protagonistas, este é um livro que surpreende, em primeiro lugar, pela notável evolução em termos de desenvolvimento das personagens. É verdade que já havia muita emoção e empatia em Corações na Escuridão, mas é aqui que a verdadeira alma das personagens se revela, num percurso emocionalmente atribulado e cheio de momentos marcantes. Pois, se a relação entre Caden e Makenna continua a ser o cerne do enredo, neste segundo volume é possível ver muito mais do que eles são enquanto entidades individuais - e, particularmente no caso de Caden, essa identidade é muito mais complexa do que à primeira vista seria de esperar. 
A própria premissa deste segundo livro é, em si, muito cativante, pois, se o fim de Corações na Escuridão poderia facilmente funcionar como um final positivo, este expandir da história torna tudo muito mais realista. Caden tem um passado que deixou marcas e isso é algo com que ambos precisam de lidar. E a forma como a autora traça esse caminho permite uma visão mais natural de toda a história, dificuldades e obstáculos incluídos.
E, claro, tudo isto gera emoções fortes, seja perante uma decisão errada, um duro caminho rumo à redenção ou pura e simplesmente um momento de afecto que atenua todas as tribulações. Há momentos na história que são simplesmente memoráveis, e isso aplica-se tanto aos grandes pontos de viragem como aos pequenos instantes de paz ou de inesperada descoberta. No fundo, há muito nesta história que comove - e é isso precisamente que a faz gravar-se na memória.
Cativante, emotivo e enternecedor em todos os momentos certos, trata-se, portanto, de um livro que nada perde com a relativa brevidade. Com uma escrita envolvente, personagens marcantes e uma belíssima história de superação pessoal, supera amplamente todas as expectativas. Muito bom. 

Título: Amor às Claras
Autora: Laura Kaye
Origem: Recebido para crítica